• Home
  • /
  • Resenhas
  • /
  • Livros
  • /
  • Filmes
  • /
  • Promoções
  • /
  • Parceiros
  • /
  • Release
  • /
  • Cover
  • /
  • Contato
  • Big Shot #Resenha ARC review

    Synopsis
    To believe one person can change your destiny sounds absurd. But it happened to me... twice. 

    Ten years ago I had no idea what I wanted out of life, until I met Hannah Michaels. She was a computer-engineering student ready to conquer the social media world, and I was smitten. Even though I knew she was taken, I had to have her. 

    Being the big shot that I was, I didn't let her status stand in my way. It wasn't long before my hands were on her thighs and my name a whisper on her lips. This smart, sexy girl inspired me to greatness, helped me grow into the kind of man I never knew I wanted to be. The man I am today. 

    Too bad I hadn't grown fast enough to keep her. 

    Moving on wasn't easy, but I knew I had to let her go. Eventually, I found someone to share my days and nights with, and together we had a daughter. My life was nearly perfect until my world turned upside down. 

    A single father has challenges, and one of those is learning how to calmly deal with your child coming home in tears. I had no idea the day I pounded on my daughter's classmate's door, Hannah would be the one standing on the other side. 

    The wild, burning desire that rushed through my veins was unwanted, and yet impossible to ignore. Letting her in meant so much more this time around. Guilt hit me like a hammer. I hated myself. I hated her. The problem was I really didn't hate her--I wanted her more than ever. 

    But this time around, I can't have her. 

    This time it's my status that stands in our way--and going up against myself just might be the hardest thing I've ever done.

    Sinopse
    Acreditar que uma pessoa pode mudar seu destino parece absurdo. Mas aconteceu comigo ... duas vezes.
    Há dez anos, eu não tinha ideia do que queria da vida, até eu conhecer Hannah Michaels. Ela era uma estudante de informática pronta para conquistar o mundo das redes sociais, e fui marcado. Mesmo sabendo que ela tinha alguem, eu tinha que ter ela.
    Sendo o grande partido que eu era, eu não deixei seu status ficar no meu caminho. Não demorou até que minhas mãos estivessem em suas coxas e meu nome fosse um sussurro em seus lábios. Essa garota inteligente e sexy me inspirou , ajudou que eu me tornasse o tipo de homem que nunca soube que queria ser. O homem que eu sou hoje.
    Muito ruim que eu não tinha crescido rápido o suficiente para mantê-la.
    Continuar não era fácil, mas sabia que devia deixá-la ir. Eventualmente, encontrei alguém para compartilhar meus dias e noites  e juntos tivemos uma filha. Minha vida era quase perfeita até que meu mundo virou de cabeça para baixo.
    Um  pai solitário tem desafios e um deles é aprender a lidar calmamente com sua filha voltando para casa com lágrimas. Eu não fazia ideia de que ao bater na porta do colega de classe da minha filha, Hannah seria a mãe que estaria do outro lado.
    O desejo selvagem e ardente que correu pelas minhas veias era indesejável, e mesmo assim impossível ignorar. Deixá-la significaria muito mais desta vez. A culpa me atingiu como um martelo. Eu odiava a mim mesmo. Eu a odiava. O problema era que eu realmente não a odiava - eu a queria mais do que nunca.
    Mas desta vez, não posso tê-la.
    Desta vez, é o meu status que está em nosso caminho - e ir contra mim mesmo pode ser o mais difícil desafio que eu já tenha tido.

    Gênero Romance Hot
    Inglês Lançamento 2017
    + 18 anos



    Resenha
    Confesso que peguei o livro sem ler a sinopse, só por causa da escritora e quando recebi e fui ler ,fiquei um pouco apreensiva e quase desisto, pois não curto romance com um cara sendo duas vezes um idiota. Resolvi igual a Jace encarar o desafio e quase cai para trás.
    Kim Karr trouxe uma trama forte com roupagem hot para mostrar a força do amor verdadeiro e como o amadurecimento leva as pessoas a ver as outras de uma forma diferente.

    Jace tem a vida que sempre sonhou não fosse o fato de ter se tornado viúvo tão jovem. Dedicado ao trabalho e à filha, ele não tem tempo nem vontade de entrar em um relacionamento até reencontrar seu amor de juventude, Hanna.
    Hanna é um jovem doce e gentil que não conseguiu encontrar o caminho para o amor e ao reencontrar Jace tenta evitar ceder à atração que sente pelo cara. Virei fã da garota quando ela finalmente percebe o que eu já tinha percebido desde o início sobre Jace e resolve tomar uma decisão drástica. Juro que aplaudi de pé  a garota...uma guerreira !

    Jace sempre teve um ar misterioso e reservado, pois desde jovem tragédias assolam sua vida. Carente e imaturo ,ele encontra em Hannah não só a namorada do melhor amigo como também alguém com quem abrir o coração e encontrar consolo. A atração dos dois é instantânea e complicada pela própria relação dos dois com o Ethan ( livro 1 da série), mas eles acabam não resistindo um ao outro e isso mexe com a cabeça de ambos.

    Ethan por sua vez me irritou tanto quanto Jace com seu comportamento egoísta e aproveitador no passado. Com o desenrolar da trama ,aos poucos fui entendendo as reações de cada personagem e me viciando na leitura. Alternando passado e presente, Kim Karr mostrar a profundidade da solidão e vulnerabilidade dos dois protagonistas e aos poucos conduz a história para um desfecho perfeito que me deixou numa ressaca literária forte ,coisa que tinha um bom tempo que não vivia.

    Só não gostei da capa ,pois sinceramente não combinou com o personagem que para mim é bem impulsivo,sombrio e confuso mesmo sendo bastante sedutor. Fora que o photoshop foi mal aplicado e a cor da pele dele ficou muito estranha.
    De qualquer forma, recomendo demais se você gosta de romances sobre segunda chance e bastante hot.
    4/5estrelas.
    Beijos,Myl


    Review
    I confess that I took the book without reading the synopsis, just because of the writer and when I received and went to read it, I was a little apprehensive and almost give up, because I do not enjoy romance with a guy being twice an idiot. I decided just as Jace faced the challenge and almost fell back.  OMG !
    Kim Karr has brought a strong plot in hot drapery to show the strength of true love and how maturing leads people to see each other in a different way.
    Jace has the life he always dreamed of despite he had  become such a young widower. Dedicated to his job and his daughter, he has neither the time nor the will to enter into a relationship until he meets his love of youth, Hanna.
    Hanna is a sweet and gentle young woman who has not been able to find the way to love and to find again Jace she tries to avoid giving in to the attraction she feels for him. I became a fan of the girl when she finally realizes what I had already realized from the start about Jace and decides to make a drastic decision. I swear I applauded the girl ... a warrior!
    Jace has always had a mysterious and secretive air, since young tragedies devastate his life. Needy and immature, he finds in the past in Hannah not only his best friend's girlfriend but also someone with whom to open his heart and find solace. Their attraction is instantaneous and complicated by their own relationship with Ethan (Book 1 in the series), but they end up not resisting each other and that shakes their heads.
    Ethan in turn irritated me as much as Jace with their egotistical and exploitative behavior in the past. With the unfolding of the plot, gradually I understood the reactions of each character and addicted to reading. Alternating past and present, Kim Karr show the depth of the loneliness and vulnerability of the two protagonists and gradually leads the story to a perfect ending that left me in a strong reading hangover, something that had a long time that did not live.
    I just did not like the cover, because it honestly did not match the character that for me is very impulsive, somber and confusing even being quite seductive. Apart from that the photoshop was poorly applied and his skin color was very strange.
    Anyway, I recommend it too much if you like  second chance romance and pretty hot scenes.
    4/5 stars.
    Kisses, Myl


    0 comentários :

    Postar um comentário